contato@liderica.com.br

Aprenda a pedir ajuda

O ato de pedir ajuda além de ajudar a aliviar o fardo que está carregando, demonstra humildade e é essencial para fortalecer as relações sociais.

 

{ Sabedoria da Semana }

 

Quando a situação aperta em qualquer área da vida, qual é a sua reação?

Como pedir ajuda? Ou se sobrecarrega, se estressa e tenta fazer tudo?!

 

Por que pedir ajuda?

O ato de pedir ajuda além de ajudar a aliviar o fardo que está carregando, demonstra humildade e é essencial para fortalecer as relações sociais. Pedir ajuda e mais: permitir que alguém te ajude não é sinal de fraqueza, nem mesmo de inferioridade, trata-se apenas de assumir que você é como qualquer outra pessoa, que cansa, não dá conta de tudo e que precisa ser acolhida também.

Além de valorizar o outro a quem lhe foi pedido a ajuda, afinal, pedimos ajuda para quem confiamos e apreciamos, não é mesmo?!

Saiba Receber a Ajuda

E depois que você pede ajuda, o próximo passo é saber recebê-la. Pois é, pode parecer estranho, mas acredite: existe um grande bloqueio em relação a isso.

Leia Mais  Cedo ou tarde aquelas que ganham são aquelas que pensam que podem

É preciso que tenhamos consciência de que: devemos estar abertos para receber, ou seja, abrir mão do controle sobre as ações da outra pessoa. Esse pode ser um desafio principalmente para os perfeccionistas ou controladores, que querem dominar a situação ou que a ajuda venha com o mesmo grau de perfeição das suas próprias ações.

 

Como vencer o medo de pedir ajuda

1. Acostume-se a ouvir “não”

Quando se trata de pedir ajuda, o máximo que pode acontecer é você receber um “não”. E um dos segredos está justamente aí: quanto mais acostumado você estiver a ouvir essa palavra indesejada, mais naturais serão os seus pedidos de ajuda.

Leia Mais  Privacidade é poder, o que as pessoas não sabem, elas não podem arruinar

Aos poucos, o medo de pedir ajuda vai sumindo. Além disso, percebemos que mesmo que uma pessoa não possa ajudar, ela pode indicar outra pessoa capaz de contribuir com você, seja no âmbito pessoal, familiar ou dos negócios. Por isso é tão importante dar o primeiro passo e pedir o auxílio.

 

2. Inspire-se em empresárias de sucesso (e perceba como elas foram ajudadas)

Você já deve ter lido e assistidos bibliografias e filmes biográficos. Lembre-se que a grande maioria (eu diria todos eles…) precisaram pedir ajuda a amigos, a familiares, ao banco, etc. Mas uma coisa essas pessoas têm em comum: correm atrás do que querem.

Aproveite para se inspirar naquela lenda dos negócios que você admira e comece a se informar sobre as situações em que essa pessoa também foi ajudada. Sem vergonha ou culpa 😉

Leia Mais  Por que a Liderança Feminina tem a ver com você?!

 

3. Por fim, peça ajuda às pessoas certas

Todo mundo tem aquela amiga ou parente que adora ajudar e é super prestativa.

Porém, isto não é o bastante para que tal pessoa te ajude dependendo do assunto ou da tarefa a ser cumprida.

O ideal é que a pessoa que está ajudando você seja especialista no que ela faz, ou pelo menos entenda o que está fazendo para você não ter um retrabalho depois. Dependendo da situação, talvez seja preciso recorrer a um mentor ou uma empresa especializada no assunto. Não arrisque seu negócio ou futuro por economia também. Combinado?! 😉

 

E conte com a Lidérica nesta jornada empreendedora 😉 VAMOS JUNTAS!

Forte abraço,

Paula Dal Belo

16/06/2019

Lidérica

Nossa Missão é acolher, conectar e desenvolver mulheres empreendedoras em seus negócios e projetos pessoais através de uma rede de apoio online e presencial.

 

{ Sabedoria da Semana }

Quem está online

Não há usuários online neste momento

Vamos juntas!

X