contato@liderica.com.br

Será que sou boa?

Será que sou boa?

Será que sou boa suficiente?
Será que vou dar conta desse trabalho?
Já se pegou falando isso?👆
Você sonhou com aquele cliente ou trabalho e quando você consegue, se vê pensando assim?
Ao mesmo tempo que você sabe que é capaz, dá aquele medooo!!!
A ansiedade, procrastinação, que é o adiamento da execução de tarefas, e perfeccionismo em excesso são indicativos da “síndrome do impostor”.
São pessoas que temem o fracasso e acham que sempre têm que apresentar algo perfeito, porque se sentem ameaçadas por acharem que a colega é mais inteligente ou capaz. Mesmo diante de uma afirmativa ou elogio, elas não conseguem aceitar e se exigem cada vez mais.
( Aqui vale a frase “O FEITO é melhor que o perfeito.”)
O primeiro passo para trabalhar e afastar a síndrome é reconhecer e aceitar os defeitos, falhas e respeitar seu limite. A aceitação é a principal premissa para as pessoas nesta condição. Não apenas reconhecer o lado negativo, mas ressaltar suas boas características.
E quem sabe usar algum “mantra” que te motive a seguir adiante? Uma frase que você pode repetir toda vez que estiver se sabotando ou pensando em desistir?
“Eu sou boa no que faço e já provei isso e sou ainda melhor pois amo aprender sempre.”
O que acha? Já tentou?
O que você anda se sabotando ultimamente? Me conte aqui 😉

E aqui vão algumas dicas para te ajudar a combater a autosabotagem:

Leia Mais  Nunca inicie um negócio para fazer dinheiro, inicie um negócio para fazer a diferença

(fonte: 6 Tips For Dealing With People Who Doubt Your Ability To Succeed)

#1 – Fale com o cara do espelho

Você é a sua pior crítica. Com frequência, olhamos para nós mesmas, e decidimos no focar nos nossos erros, ao invés dos nossos acertos. Acredite em você mesma primeira, e os outros também acreditarão.

#2 – Permaneça positiva e confiante

Nós todas conhecemos a 3º lei de Newton: “Para cada ação, há uma reação.” Faça o bem e o bem retornará.
Atitude é tudo – porém, somente positividade não produzirá progresso. De fato, nossos deslizes e falhas, fortalecem aqueles que não acreditam em nós. Mas lembre-se do diamante, ele só é uma pedra valiosa, depois de passar um árduo processo! No pain, no Gain!

Leia Mais  Passos para a construção de um planejamento de sucesso em 2020 | PARTE 1 de 3

#3 – Escute aqueles que não gostam de você, mas não “preste atenção” no que eles dizem.

Preste menos atenção no que as pessoas dizem, e foque no porquê elas dizem. Qual é a motivação delas? Inspirar ou esvaziar? Ações falam mais do que palavras. Aja!

#4 – Levante rápido, sempre que cair ou tropeçar.

Quando você estiver tentando algo novo, sempre cometeremos alguns erros e deslizes. E isso, pode parecer que você está falhando, aos olhos dos céticos. “Nunca acredite nisso!”. Continue sempre, sucesso é a jornada e não um destino, e você crescerá no caminho.

#5 – Dê a eles uma razão para que eles acreditem em você.

Mostre aos céticos que você pode ser bem sucedida, mostre e não somente fale.
Sucesso leva tempo, mais do que parece. Então, seja persistente.

Leia Mais  Se o seu sonho só inclui você, ele é muito pequeno

#6 – Não seja cercada por céticos!

Um pouco de ceticismo e críticas, podem ser saudáveis para o seu sucesso. Mas, não seja cercada por críticos e céticos, porque eles podem acabar contagiando você. É importante que você tenha apoiadores em seu círculo de amizades.

E lembre-se: Cada vez que superamos um obstáculo, saímos melhores do que começamos. Isso, os céticos não podem ignorar!

Vamos juntas!
Bjs,
Paula Dal Belo
@pauladalbelo

Idealizadora da LIDÉRICA

http://liderica.com.br/

Advogada por formação e empreendedora por vocação E

xperiência de 7 anos em multinacional e empresária desde 2004

Liderança Transformadora pela FUNDAÇÃO DOM CABRAL

Liderança Feminina pela BABSON COLLEGE

Liderança e Inovação pela HSM EDUCAÇÃO EXECUTIVA

Liderança Feminina pela SPRINGBOARD

Comunicação pela The School of Life / SP

17/02/2020

Lidérica

Nossa Missão é acolher, conectar e desenvolver mulheres empreendedoras em seus negócios e projetos pessoais através de uma rede de apoio online e presencial.

 

{ Sabedoria da Semana }

Quem está online

Não há usuários online neste momento

Vamos juntas!

X